Espalhe críticas e eles espalharão a inveja


criticas

Eu fico impressionado com a guerra de egos que a cada dia cresce no ambiente digital.

Sabe quando você era criança e ficava discutindo com o seu amigo para provar quem era o mais forte da sala? Ou mesmo quem era o melhor no futebol?

Pois então, eu acabei de ver a versão moderna dessa história, dois grandes talentos trocando acusações na plataforma Medium escrevendo algo do tipo “eu sou mais empreendedor do que você”, “eu tenho CNPJ e você não tem”, “eu dou palestras e você não dá”.

Gente, o mercado digital tem espaço pra todo mundo, pelo amor de Deus!

O foco deve ser sempre no SEU mercado

Se o cara ganha dinheiro sendo Coach de Coach’s, deixe ele pra lá!

Se o cara ganha dinheiro vendendo um curso que ensina a você ter o seu próprio negócio, mesmo que o único negócio que ele tenha é o seu curso que ensina os outros a terem o seu próprio negócio, deixe ele pra lá!

Se o cara ganha dinheiro vendendo um curso de vendas, mesmo que a única coisa que ele venda seja o seu próprio curso de vendas, deixe ele pra lá!

Se o cara ganha dinheiro vendendo um curso de liderança, mesmo que ele nunca tenha liderado alguém na vida dele, deixe ele pra lá!

Foque no SEU produto, no SEU mercado, nos SEUS clientes e pare de se incomodar com o sucesso alheio!

Porra, tem cara ganhando 10 mil por mês vendendo cursos online e fica enciumado que o outro está ganhando 15 mil porque julga que o conhecimento dele é inferior ao seu.

O que mais você quer neném? Confete?

Você não precisa apagar a luz do concorrente para iluminar o próprio negócio

A questão é a seguinte: Você não precisar derrubar, atacar, criticar os outros para fazer o seu produto ser rentável. Apesar de esse ser o caminho mais fácil para conseguir audiência, crescer inferiorizando os outros é um caminho extremamente perigoso.

Eu não me orgulho em dizer que já fui assim. Muitas vezes eu fiz questão de comentar a publicação de alguns “especialistas” dizendo que elas estavam enganando os outros, que os métodos nunca haviam sido testados, etc…

Até que um dia eu recebi uma mensagem privada de um cara que eu nem conhecia…

Sabe o que ele me disse?

“Cara, porque em vez de ficar querendo queimar os outros você não se concentra em promover o seu produto?”

Eu me lembro que para não me sentir inferiorizado eu ainda quis argumentar…

“Mas a minha função como quem também estuda o que eles estão dizendo é provar que essas pessoas estão falando mentiras”.

Porra nenhuma. Eu sabia que a minha função é, acima de tudo, ajudar aqueles que se interessam pelo o que eu tenho a dizer. Foco no MEU público, e não no dos outros. Se essas pessoas estão conseguindo vender pente para careca, parabéns para eles!

Espalhe críticas e eles espalharão a inveja

Uma coisa eu aprendi e sempre aconselho aos que desejam seguir o caminho do digital:

Se o melhor que você pode fazer é espalhar críticas negativas, o melhor que você poderá obter são seguidores que também espalharão a inveja.

Se você não acredita no que eu estou dizendo, basta ver alguns perfis de personalidades que vivem falando mal sobre o governo. Observe os comentários dos seus seguidores e veja se a minha observação é condizente ou não.

A mudança PRECISA começar com você!

Construir uma base de seguidores espalhando o bem, nada menos do que isso me interessa.


Newslatter
LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com