Psicologia Reversa – Veja como funciona


Não leia!

Tenho certeza que esse aviso te deixou com ainda mais vontade de ler o texto até o final! Isso é Psicologia Reversa.

O conceito sobre o termo eu julgo desnecessário, mas pro texto ficar bonitinho aí vai um que achei na internet:

Psicologia Reversa:

É a psicologia segundo a qual você tenta obter um resultado positivo através de uma sugestão negativa ou vice-versa.
Ou seja, quando você quer conseguir algum favor, alguma atitude ou qualquer outra coisa de alguma pessoa, você diz algo contrário do que ela está afirmando ou querendo fazer. Credo, que rolo!

Chega de palavras difíceis, vamos aos exemplos:

Situação 1:

Quando alguém lhe disser “tenho alguma coisa para te falar, mas acho melhor não falar…”

Voce por costume vai responder algo como “ah não, pode me contar!”, e esse joguinho de “não conto e me conta” vai se estender por um longo tempo e no final não vai dar em nada.

A partir de hoje você irá responder assim:

Ok, não me conte, eu não queria saber mesmo, se não quer contar é por que deve ser mentira, então guarde pra você.”

Pura Psicologia Reversa!

Situação 2:

Da próxima vez que você ver uma pessoa querendo ir embora de algum lugar, dizendo “eu preciso ir embora agora, tenho que ir embora agora senão vou me dar mal, me deixem ir embora por favor (perceberam o drama exagerado?)”, nunca mais insista para a pessoa ficar, apenas diga:

Ok ok, sem problemas pode ir…

E por que funciona? Porque quem quer ir embora vai logo de uma vez, se precisa ficar chamando atenção e fazendo charme é por que não quer ir!

A regra é muito simples, insista na primeira e no máximo até a segunda resposta, já na terceira incentive a pessoa a fazer o que ela supostamente quer fazer.

E como a Psicologia Reversa pode ser utilizada na Administração?


David Portes
, o famoso camelô marketeiro, utilizou esse conceito muito bem em uma de suas promoções, a sacada genial foi a seguinte:

Precisando aumentar a visibilidade de sua loja, ele resolveu pendurar uma placa uma esquina antes da sua barraca com a mensagem: “ATENÇÃO, NA PRÓXIMA ESQUINA, É PROIBIDO OLHAR PARA A DIREITA.”

Acho que não é necessário dizer pra qual lado as pessoas olharam ao chegar na próxima esquina.

Seu funcionário se recusa a fazer algum serviço? Não fique brigando a toa, experimente dizer “tudo bem, talvez eu me enganei quanto a você, achei que fosse capaz, vou pedir para uma outra pessoa“.

O Youtube nos dá uma forcinha para entender como a Psicologia Reversa REALMENTE funciona na prática, mas eu te digo para não ver esse vídeo:

Repito : Não veja esse vídeo!

Eu sei, você não resistiu.


Newslatter
LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com