[Resenha] Roube como um artista: 10 dicas sobre criatividade


113915557_1GGUma resposta que valeria milhões de reais. Como se tornar um profissional mais criativo? Para Austin Kleon, autor de Roube como um artista: 10 dicas sobre criatividade, nada vem do nada, nada é totalmente original. Todo trabalho criativo é construído sobre o que veio antes, portanto, para se tornar mais criativo, você deve se certificar de que está cercado de boas fontes.

Quando você olha para o mundo dessa maneira, sem preconceitos e olhares desconfiados, para de se preocupar com o que é “bom” e o que é “ruim” – segundo o autor, há apenas coisas que valem a pena ser roubadas e coisas que não valem. Mas calma que não é tão óbvio que não é tão simples assim.

Para Kleon, todo artista é um colecionador, e não um acumulador. A diferença entre os dois é que enquanto o primeiro coleciona apenas coisas que realmente ama, o segundo coleciona indiscriminadamente, na esperança de encontrar uma luz no meio de um monte de lixo. Dessa forma, quanto mais ideias BOAS você tiver coletado, mais fontes terá para poder escolher quais irão te influenciar.

O seu trabalho para se tornar mais criativo então passa a ser o de colecionar boas ideias. E de onde vêm as boas ideias? Essa é mais uma dica do autor, você deve saber selecionar suas fontes, deverá escolher quem serão os seus influenciadores, os seu mentores, os seus salvadores!

A ideia central do livro é que você será tão bom quanto às pessoas das quais você se cerca. No espaço digital, isso significa seguir as melhores pessoas online – as pessoas que são muito mais espertas e melhores que você, as pessoas que estão fazendo trabalhos realmente interessantes. Presta atenção nos assuntos sobre os quais eles falam, o que estão fazendo, o que estão compartilhando.

Quer saber quem eu sigo? Aqui está a minha LISTA DE SUGESTÕES número 1 e número 2. São 18 sites que eu sugiro que você adicione imediatamente na sua lista de favoritos.

Quando você estiver nesse nível, você poderá passar da imitação dos seus heróis para a emulação deles. E qual a diferença? Imitação tem a ver com copiar e emulação é quando a imitação dá um passo adiante e ganha sua própria forma. São suas ideias finalmente criando forma!

Passagens interessantes

Pratique a procrastinação produtiva: entenda, quando você ficar muito ocupado, ficará idiota. Pessoas criativas precisam de tempo para sentar e não fazer nada. Se está sem ideias, lave a louça, faça uma longa caminhada, fique olhando para um ponto na parede o máximo de tempo que puder, ou como recomenda o autor, passe as suas camisas – isso é tão entediante que quase sempre lhe trará uma boa ideia.

Mantenha um arquivo de aplausos: coloque todo e-mail legal que você recebe por seu trabalho em uma pasta especial. Quando aqueles dias negros chegarem e você precisar de uma força, abra essa pasta especial e leia alguns deles. Só depois volte a trabalhar. Mas atenção, use-a moderadamente – não se perca nas glórias passadas – mas deixe-a por perto para quando precisar levantar o moral.

Se houvesse uma fórmula secreta para se tornar conhecido, eu a daria para você. Mas há apenas uma fórmula não tão secreta que conheço: faça um bom trabalho e compartilhe-o com as pessoas.

Conclusão

Você é o resultado das coisas que você deixa entrar em sua vida. Se você está deixando entrar lixo, ou melhor, foto de animais bonitinhos, de comida, ou de frases pseudo-engraçadas, é exatamente isso que você se tornará, um profissional fútil. Por outro lado, se você seguir os melhores da sua profissão no Facebook, se você assinar o feed dos melhores blogs da sua área, muito provavelmente as boas ideias surgirão.

E aí? Qual vai ser? Lixo ou Criatividade?


Newslatter

Comentários

  1. […] do que tanto se discute sobre marketing pessoal por aí. É como disse Austin Kleon, autor do livro Roube como um artista: “VOCÊ É O QUE VOCÊ […]

LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com