Ser quem lidera ou seguir quem lidera. Não existe meio termo.


phelps-foco

Essa é, pelo menos em minha opinião, a melhor foto tirada até agora nesses Jogos Olímpicos do Rio 2016.

Quem é muito jovem talvez ainda não compreenda essa filosofia, mas meu amigo, o fato é que conforme o tempo passa, você perceberá que existem basicamente dois caminhos para percorrer em sua vida: ser aquele que lidera, ou ser aquele que segue quem lidera.

É claro que ser o primeiro a propor as coisas não é uma tarefa fácil. Dentre as inúmeras barreiras que você precisa quebrar, a cultural é, de longe, a mais difícil. Como já dizia Platão em seu Mito da Caverna, é difícil mostrar o lado de fora para quem passou a vida inteira acostumado a viver no escuro.

Muito mais fácil é ser aquele que copia, pois basta justificar o que você pretende propor baseando-se em projetos que já deram certo.

Quem alguma vez na vida já tentou executar algum projeto inovador deve saber do que eu estou falando…

Mas será passar a vida inteira “copiando”, ou melhor, “adequando”, o projeto dos outros, é o melhor caminho a se seguir no longo prazo?

Quer saber o que essa foto representa pra mim?

Ela representa aquele certo professor, esforçado, que em vez de seguir aquele plano de aula feito há 10 anos por sabe-se lá quem, resolve dar uma aula totalmente fora do convencional.

Representa aquele certo funcionário público, insatisfeito, que em vez de se acomodar com as mordomias que o sistema oferece, resolve revolucionar o seu departamento, que até então encontrava-se totalmente defasado.

Representa aquele certo político, ético, que em vez de usar a verba pública como fonte de propina para comprar propriedades luxuosas, prefere usá-la para construir algo que beneficiará toda a sociedade.

Representa aquele aluno, corajoso, que em vez de propor mais um plano de negócios visando a abertura de outra pizzaria, sorveteria, ou qualquer coisa terminada em ria, mete a cara nos estudos e propõe a criação de um aplicativo que irá resolver um problema que as pessoas ainda nem sabem que possuem.

Enfim, todas essas pessoas, todos esses vencedores, preferem focar no SEU PRÓPRIO JOGO, e não no jogo dos outros.

Por sinal, os mais fanáticos vão se identificar com a cultura que o Steve Jobs sempre defendeu na Apple e que não à toa deu início a esse texto:

Na vida você pode ser aquele que lidera ou aquele que segue quem lidera. Não existe meio termo.


Newslatter
LinkedIn Auto Publish Powered By : XYZScripts.com